Inteligência Artificial: inimigo ou aliado…Como usar IA para evitar o roubo de nossa identidade? - Revista Hover

● Nos últimos 12 meses, uma em cada quatro pessoas no mundo perdeu dinheiro devido a fraudes ou roubo de identidade.
● Nos Estados Unidos, ocorre um caso de roubo de identidade a cada 22 segundos.

Um estudo recente da Global Anti-Scam Alliance (GASA) e ScamAdviser revelou que 25,5% das pessoas no mundo perderam dinheiro devido a fraudes ou roubo de identidade nos últimos 12 meses. Isso significa que, em média, uma em cada quatro pessoas foi vítima de uma fraude. Os códigos que protegem as sessões bancárias online são vendidos na dark web por apenas US$ 60, evidenciando a urgente necessidade de tomar medidas contra esse tipo de fraude.

Nesse sentido, Carlos Chavarría, CEO e fundador da NAAT.TECH, a empresa global líder na implementação de soluções multibiométricas para combater fraudes, afirmou que a combinação de sistemas biométricos impulsionados por IA, como reconhecimento facial, de voz e de impressão digital, oferece um nível adicional de segurança ao autenticar a identidade de forma única e praticamente infalível, considerando que as perdas financeiras devido a esse tipo de crime totalizam US$ 1,026 trilhão. Isso representa 1,05% do PIB mundial.

Tecnologia com IA para combater fraudes

Para combater fraudes por roubo de identidade, a NAAT.TECH se aliou a instituições bancárias em países como o Brasil, para proteger o pix (sistema de pagamento digital que permite aos clientes transferir dinheiro entre contas bancárias ou pagar por bens e serviços instantaneamente).

A empresa oferece o NAAT.check, um serviço de dupla verificação que utiliza algoritmos para garantir transações confiáveis. Além disso, reforçou as soluções de validação biométrica em seguros, tanto para venda quanto para mudanças nas condições. Diante da crescente ameaça de fraudes por roubo de identidade, a empresa continua explorando soluções eficazes para proteger o patrimônio das pessoas e das instituições.

Nos Estados Unidos, a NAAT.TECH fornece ferramentas tecnológicas a um banco, permitindo que o mercado latino e mexicano localizado no Texas ou que deseje abrir contas nesse país possam validar sua identidade de forma segura. Isso beneficia os usuários, que podem obter taxas de juros e custos financeiros menores, e o banco, que se protege contra possíveis fraudes. Nos Estados Unidos, o roubo de identidade foi o segundo tipo de queixa mais comum relatado pelos consumidores em 2023 e representou 19% de todos os relatórios recebidos pela Comissão Federal de Comércio até o momento.

Assim, a IA ajuda as empresas a detectarem fraudes:

● Prevenindo problemas identificando padrões irregulares ou comportamentos fora do comum.
● Proporcionando uma avaliação mais precisa e rápida do risco associado a solicitações ou reclamações.
● Identificando atividades que poderiam indicar fraude, oferecendo uma camada adicional de segurança ao usuário e à empresa.
● Verificando a identidade dos usuários e garantindo que as informações fornecidas sejam válidas.
● Utilizando o processamento de linguagem natural (NLP) para processar formulários, e-mails e outros documentos.
● Proporcionando uma monitorização constante, permitindo a detecção precoce de qualquer atividade suspeita.
● Reduzindo a probabilidade de erros humanos ao automatizar tarefas repetitivas.

Assim, você pode se proteger contra fraudes. Use as seguintes ferramentas e não seja vítima de fraudes:

● Utilize autenticação multifatorial (MFA). A MFA é uma camada adicional de segurança que requer que os usuários forneçam duas ou mais formas de identificação para fazer login ou realizar uma transação. A IA pode ser usada para gerar códigos de autenticação, como códigos de uso único (OTP) enviados por SMS ou e-mail.
● Serviços de verificação de identidade. Estes geralmente utilizam uma combinação de métodos para verificar a identidade dos usuários, incluindo:
● Verificação de dados pessoais, como nome, endereço e data de nascimento, com bancos de dados públicos ou privados.
● Verificação de documentos, como carteira de identidade emitida pelo governo ou passaporte, com imagens ou bancos de dados de documentos autênticos.
● Use ferramentas de prova de vida da IA para verificar se a pessoa que está fazendo login ou realizando uma transação é uma pessoa real e não um robô. Alguns exemplos são:
● Testes de voz: esses testes exigem que o usuário fale uma frase ou responda a uma pergunta. A IA analisa a voz do usuário para determinar se é real.
● Testes de vídeo: esses testes exigem que o usuário grave um vídeo de si mesmo. A IA analisa o vídeo do usuário para determinar se é real.
● Testes de movimento: esses testes exigem que o usuário execute uma ação física, como piscar ou mover a cabeça. A IA analisa o movimento do usuário para determinar se é real.

Sobre o autor

Carlos Chavarría é Engenheiro em Sistemas de Computação, formado pela Universidade de Monterrey, no México. Empreendedor, inventor e participante destacado em Comitês de Educação Tecnológica, Cultura e Blockchain. Em 2005, fundou a NA-AT Technologies, empresa de origem mexicana com presença global, dedicada ao desenvolvimento de tecnologias multi biométricas, a empresa tem um market share de 74% do mercado mexicana, com soluções utilizadas em mais de 100 países, por mais de 500 empresas em todo o mundo.

Share.