Bravaguarda lança o EP "Plano-Sequência", uma experiência cinematográfica de indie pop e pop/rock ao vivo - Revista Hover

Ouça “Plano-Sequência” em todas as plataformas digitais

Assista ao visualizer do projeto

São Paulo, 22 de março de 2024 – A Alma Music tem o prazer de anunciar o aguardado lançamento do EP “Plano-Sequência” do duo Bravaguarda, já disponível. O trabalho, gravado ao vivo, apresenta quatro faixas, incluindo a música inédita “FIZO”, e chega acompanhado de um audiovisual gravado em plano-sequência, como já avisa o nome do EP.

Combinando arranjos indie pop e pop/rock, o trabalho captura a essência única da Bravaguarda, oferecendo uma experiência musical e visual únicas. O destaque do EP, “FIZO”, é uma reflexão sobre seguir a intuição e quebrar os padrões impostos pela sociedade, transmitindo uma mensagem poderosa de autodescoberta e autenticidade.

Ao lançar seu primeiro EP ao vivo, a Bravaguarda não apenas oferece uma experiência musical imersiva, mas também acompanha as faixas com um filme em plano-sequência,  que ficou à cargo do diretor Breno Kruse. Este visual inovador eleva a experiência do ouvinte, proporcionando uma jornada cinematográfica que complementa perfeitamente a atmosfera e o estilo do EP.

Falando sobre o processo criativo por trás do visualizer, os integrantes da Bravaguarda, Dan e Gui Barreto, compartilham: “O processo todo veio da gente querer fazer um material totalmente ao vivo, daí chamamos o Breno para dirigir. Fomos montando o quebra-cabeça de estética, cores, iluminação e repertório para compor o filme. Nós somos muito fãs de artistas que prezam por esta entrega de material ao vivo, mostrando a execução nua e crua ali no vídeo, por isso partimos daí para que depois tudo se conectasse a ideia acima do plano-sequência intervalado com as pequenas entrevistas no melhor estilo do saudoso ‘Programa Ensaio’, da TV Cultura.”

Sobre a escolha do formato de plano-sequência, Breno Kruse acrescenta: “A banda comprou a ideia de fazer neste formato. O legal é que o plano sequência, assim como a música ao vivo, não precisa ser perfeito. O valor está na autenticidade e na energia pulsante que transmite. A gente fez de câmera na mão, e de certa forma a câmera vira um membro da banda, porque a gente tem que estar muito conectado com a música para no momento que tem uma virada de bateria, o câmera tem que estar ali escutando, tocando junto com ele para pegar este momento. Tem um solo de guitarra, a gente tem que estar junto com a câmera no solo de guitarra, então a gente está meio que numa sincronia, quase que fazendo parte da banda como unidade de câmera e direção.”

Além de “FIZO”, as outras faixas do EP, “Surpresas e Acasos”, “Descobri” e “Não Importa Mais”, complementam-se harmoniosamente, oferecendo uma experiência coesa. A banda compartilha: “Ela [FIZO] é uma canção que foi composta mais ou menos na mesma época que ‘Descobri’ e ‘Não Importa Mais’, então naturalmente ela tem uma vibe similar. Tanto o arranjo quanto a letra trazem uma mensagem sobre olhar para si e priorizar o melhor caminho que sua intuição te direciona.”

Gravado no estúdio Camaleão, no bairro Vila Madalena, São Paulo, e com direção de fotografia de Pedro Knoll, o EP “Plano-Sequência” captura a essência autêntica da Bravaguarda, destacando sua habilidade excepcional de se conectar emocionalmente com o público. Breno Kruse, que já havia dirigido os clipes dos singles anteriores da banda, contribui com sua visão única para este projeto: “A gente foi atrás dessa linguagem mais vintage, mas ao mesmo tempo em que a gente está tentando criar uma linguagem, construir uma identidade, sempre tentando também fazer alguma coisa nova”, finaliza.

Inspirado por shows clássicos como “Stop Making Sense”, do Talking Heads e “Live at the Apollo” do Arctic Monkeys, o EP “Plano-Sequência” da Bravaguarda promete encantar os ouvintes, oferecendo uma experiência musical e visual única.

Não perca o lançamento do EP “Plano-Sequência” da Bravaguarda em todas as plataformas digitais. A experiência audiovisual está disponível no canal oficial da banda no YouTube.

Sobre Bravaguarda:

O desejo de voltar com um projeto engavetado em 2014 foi o que uniu os irmãos Dan (guitarra/vocais) e Gui Barreto (contrabaixo/vocais) e o amigo de infância Pablo Aguiar (bateria), fazendo-os reviver canções autorais para, enfim, registrá-las em um primeiro trabalho oficial. Em 2018, com a produção de Milo Andreo, a banda lançou o álbum “Abra Seus Olhos”, contando com 12 faixas. 

Desde então e agora como um duo (formado por Dan e Gui Barreto), a Bravaguarda vem conquistando, cada vez mais, simpatizantes de seu trabalho pautado pela identidade indie-pop. Em 2020, lançaram pela Deckdisc uma versão para “Palco”, clássico do mestre Gilberto Gil, além da versão acústica de “Abra Essa Janela”, com a participação da cantora Cyz Mendes (Plutão Já Foi Planeta). Ainda no mesmo ano, apresentaram o single intitulado “Chega”, uma música que clama como um basta na rotina em prol da busca pela felicidade.

Já em 2021, no final de janeiro, foi lançada a canção “Sabe”, um indie pop que traz como mensagem central a valorização da busca pelo amor verdadeiro, pelo amor próprio, sem abrir mão do que mais vale nesta geração: ser você mesmo.

Ainda no mesmo ano, nasceu o seu mais recente trabalho, o EP ‘O Amor Pede Lugar’. Produzido por Tulio Airold e novamente lançado pela Deckdisc, o grupo reforçou a maturidade da sua nova identidade – com destaque para as diversas influências da MPB e do pop e rock brasileiro dos anos 60, 70 e 80 – no lançamento de quatro singles + videoclipe, somando quase 1 milhão de plays nas principais plataformas de streaming.  

Em 2023, a banda lançou pela Alma Music as faixas “Descobri”, “Surpresas e Acasos” e “Não Importa Mais”, todas acompanhadas de videoclipes.

Redes Sociais Bravaguarda:

Instagram

YouTube

Spotify 

Share.